Tipos de sais – Sal com ervas

Esse tipo de sal é uma beleza para inúmeros preparos.

Além de adicionar um sabor todo especial, você pode fazer inúmeras combinações com eles. Desde doce, azedo, amargo, etc.

Aqui na Alemanha é bem comum encontrar nos supermercados moinhos de sal grosso com outros temperos. São particularmente caros, mas são um espetáculo. Por isso, a melhor opção é sempre fazer seu sal com ervas em casa. Super simples, fácil e muito prático. Além de diminuir a quantidade de sal usada nas suas preparações.

Primeiro temos o vídeo com alguns tipos diferentes de sais e uma receita de sal com ervas.


Mas existem na natureza vários tipos diferentes de sais. Eles são extraídos direto da fonte com cores e sabores diferentes. E, claro, esses sais darão um sabor todo especial a seus pratos. O único problema é preço, chegando a custar R$ 300,00 o Kg.

Aqui em casa tenho alguns deles.

Sal Rosa do Himalaia:

Apesar do nome ele majoritariamente extraído no Paquistão, algumas centenas de kms do Himalaia. Extraído, separado e lavado a mão, é vendido na sua forma bruta (ou com menores granulações). A sua coloração é devido a presença de ferro em sua composição. É considerado um sal com grande presença de outros minerais, tornando-o mais “saudável”. A Bolívia também é grande produtora de sal rosa.

Sal Rosa do Himalaia

Flor de sal:

É um sal retirado da primeira camada de produção na salinas, ou seja, os primeiros e mais delicados cristais que se formam. Possui sabor e textura característica, e é usado para finalizar pratos, adicionado pouco antes da hora de servir. E seu uso não se restringe a somente pratos salgados, mas também em doces, como chocolate ou crème Brullé. Ele não é usado para cozinhar, e não deve sofrer nenhum tipo de cocção.

Sal em flor

Sal grosso:

É uma forma mais bruta de sal, também retirado das salinas. Muito utilizada em churrasco.

Sal grosso

 

Sal Negro do Havaí:

Também extraído na famosa ilha Americana, o sal negro possui traços de lava vulcânica e é rico em minerais. Possui sabor mais intenso e ótima textura. Não é acrescentado a ele nenhum tipo de aditivo.

Sal negro Hawai

Sal Marinho:

É o sal que não passa por um processo de refinamento. Deixando ele mais puro e com todos os seus minerais. Ele somente passa por um processo de lavagem, para retirar algumas impurezas vindas da água marinha.

Obs.: Devido a larga escala de produção, o sal marinho é o mais consumido no Brasil (por ser mais barato). E quando é refinado também perde quase todos os minerais naturais presente em sua forma bruta.

Sal puro

Sal Vermelho do Havaí – Alaea Salt:

A coloração vermelha também se dá pela presença de ferro em sua composição, mas principalmente pela presença da argila vulcânica Alaea. Confere ao sal um sabor mais suave, e inclui uma grande variedade de minerais (benéficos para a saúde).

Sal vermelho Hawai

Sal virgem

É um tipo de sal retirado mais puro, sem sofrer muitos processos na sua extração. É também extraído em salinas.

Sal virgem

Sal refinado, Sal de rocha ou Sal de mesa:

Esse tipo de sal é extraído de rochas, e passa por um processo de refinamento para estar apto para consumo. É também chamado de sal-gema. Ele também possui aditivos e antiaglomerantes. No Brasil é adicionado Iodo por regra.

Sal com sabores:

Geralmente usado sal com uma maior granulação, misturado a ervas e condimentos e inseridos em pequenos moinhos de mesa. É moído na hora de uso. Dentre eles temos: ervas, limão, gengibre, pimentas, sementes de coentro, etc. Basta usar sua criatividade! : )

Sal com ervas

Pessoal, essa semana entro de férias!! Que beleza! Ficaremos sem atualizações, mas dia 12 de junho volto a todo vapor! : )

Print Friendly

About Romero Bicalho

Mineiro e Cozinheiro profissional morando na Alemanha. Editor responsável pelo Receitas e vídeos.com

5 thoughts on “Tipos de sais – Sal com ervas”

  1. Bom dia Romero, amo seu site. Parabéns.
    Gostaria de uma dica, moro em um local onde planto varias ervas como cheiro verde, orégano, manjericão, manjerona, tomilho, alecrim, pimenta, etc. Outro dia resolvi fazer um sal de ervas , com varias, e ficou maravilhoso. As amigas todas querem comprar, mas como não faço a mínima ideia de valor pelo qual possa vender, peço sua recomendação. Pode me ajudar? O sal ficou maravilhoso… Uso o sal marinho mesmo. Obrigada.

    1. Oi Simone!

      Deve ser show de bola esse seu sal com ervas. O preço dependerá de vários fatores: seu custo de produção, embalagem, publico alvo, valor agregado (produção artesanal), etc. Sempre encontro esse temperos com preços entre 10 a 30 reais por 100 g. Mas você deve calcular o valor de acordo com a sua produção.

      Boa sorte e sucesso!

      Abraços.

  2. Bom dia Romero.

    Seu site e o canal no youtube são, sem dúvidas, sublimes!

    Pois em seus vídeos e posts contém informações de extrema importância e relevância para quem busca detalhes e conhecimento nos preparos.

    Venho parabenizá-lo pelo ótimo trabalho!

    Certamente estás, através destes meios, ajudando muitas pessoas a buscar realização pessoal e profissional.

    Desejo-lhe sorte e vitória em seus projetos.
    Abraço.

Gostou? Comente!!!


Parse error: syntax error, unexpected '[' in /home/recei450/public_html/wp-content/themes/video-world-clear/single-related.php on line 10